Instituto Gregoriano interpreta os grandes compositores dia 03 de Junho no Auditório do Museu do Oriente

Vivaldi, Grieg e Bach são alguns dos grandes compositores que a Camerata de Cordas e a Orquestra de Cordas do Instituto Gregoriano interpretam em concerto, no domingo, 03 de Junho, às 17h00, no Auditório do Museu do Oriente. A entrada é gratuita. 



Dirigida por António Carrilho, a Camerata de Cordas é constituída por jovens entre os 12 e os 18 anos, dos cursos de violino, viola e violoncelo do Instituto Gregoriano de Lisboa. Já a Orquestra de Cordas, fundada em 2011, integra alunos dos cursos básicos e secundário de violino, viola e violoncelo, sendo o seu actual maestro, o professor João Camacho

O Instituto Gregoriano de Lisboa é uma escola pública de ensino artístico especializado de música e oferece cursos de iniciação, básicos e secundários de canto gregoriano, cravo, flauta de bisel, órgão, piano, viola de arco, violino e violoncelo. 

Neste concerto, a Camerata de Cordas tocará obras de Vivaldi, Grieg, Bartók, Hindemith e Villa-Lobos. A Orquestra de Cordas tocará obras de Bach, Telemann e Pachelbel. 


Concerto Camerata de Cordas e Orquestra de Cordas do Instituto Gregoriano 

Domingo, dia 03 de Junho, às 17h00, no Auditório do Museu do Oriente
Gratuito 

PROGRAMA DA ORQUESTRA DE CORDAS 

Tomaso Albinoni  Sinfonia em Sol Maior 
Johann Pachelbell  Canon 
J. S. Bach  Et Misericordia [do Magnificat] 
Rondeau da Suite para Orquestra nº2 
Coral "Jesus bleibet meine freude" da Cantata nº147 

PROGRAMA DA CAMERATA DE CORDAS 

Antonio Vivaldi  Sinfonia Bajazet 
Edvard Grieg  A canção de Solveig 
Béla Bártok  Danças populares romenas 
Heitor Villa-Lobos  Choro nº 1 




Comentários